Geral

Em liberdade provisória, Daniel Alves abre empresa para agenciar jogadores, diz jornal

Ex-atleta tem apenas um mês que foi liberado da prisão em liberdade provisória.

18 de maio de 2024 às 14:37
1 min de leitura

O ex-jogador de futebol Daniel Alves, condenado por estuprar uma mulher em uma boate na Espanha, abriu uma nova empresa. O ex-atleta tem apenas um mês que foi liberado da prisão em liberdade provisória.

Jogador Daniel Alves - Foto: Reprodução/Instagram

De acordo com o jornal esportivo Marca, Alves registrou a empresa OQP Sport & Management no Registro Comercial de Barcelona, na Espanha, em abril. Ele é o único sócio e administrador da empresa, que se dedicará à gestão de direitos de imagem e ao agenciamento de atletas.

Anteriormente, ele teve outras empresas de agenciamento de imagem e carreira junto com sua ex-esposa, Dinorah Santana. Alves fundou a nova empresa logo após sair da prisão, após pagar uma fiança de 1 milhão de euros para aguardar a sentença final do caso de estupro.

Em fevereiro, Alves foi condenado a quatro anos e meio de prisão pelo crime de agressão sexual, sendo acusado de estuprar uma mulher em uma boate em Barcelona. A defesa recorreu da sentença e solicitou que o brasileiro aguardasse a decisão final em liberdade.

Siga nas redes sociais

Veja também

Dê sua opinião

Canal LupaTV

Veja todas