Operação Mormaço investiga facção interestadual em agências de veículos

O sequestro dos bens foram avaliados em aproximadamente R$8 milhões

A polícia civil do Maranhão deflagrou na manhã desta quinta-feira (10), a Operação Mormaço. A ação tem como objetivo desarticular uma facção que atuava interestadualmente. Foram alvos pessoas físicas e jurídicas em Teresina, Timon e Caxias. 

Foto: MPMA

De acordo com alguns informantes ligados à facção, o dinheiro era aplicado em agências de veículos, arenas esportivas e aquisição de imóveis, além de outros segmentos empresariais.

Foto: MPMA

HISTÓRICO INVESTIGATIVO

Em meados de 2020, o Gaeco do MPMA remeteu informações à Superintendência da Polícia Federal em Teresina, repassando a notícia de que traficantes estariam solicitando autorizações de registros de arma de fogo na capital piauiense.

Desde então, a Superintendência Regional do Piauí desencadeou a operação Integração I em 9 de setembro do mesmo ano. Em seguida, os dados colhidos foram compartilhados com a Superintendência da Polícia Federal maranhense, enquanto coube ao GAECO-MA deflagrar a operação Mormaço.

Fonte: MPMA

Mais conteúdo sobre:
GaecoPolícia Federal

Dê sua opinião: