Gustavo Almeida

Cláudio Pessoa fala sobre ameaça de demissão feita por Dr. Pessoa

O prefeito de Teresina atribuiu ao superintendente a falta de ação na resolução do problema do transporte público da capital.

O major Cláudio Pessoa, da Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (Strans), se pronunciou nesta terça-feira (26) sobre a ameaça do prefeito de Teresina, Dr. Pessoa (MDB), em demiti-lo do cargo de superintendente da pasta devido à demora na resolução dos problemas do transporte público da capital.

Major Cláudio Pessoa (Foto: Gustavo Almeida/Lupa1)

O prefeito de Teresina atribuiu ao superintendente falta de ação na resolução do problema, que se arrasta há quase um ano. Dr. Pessoa disse que ele está sendo “muito tolerante à situação” mesmo após a prefeitura ter feito acordo, cedido e pactuado para tentar dar um fim ao impasse.

Em resposta nesta terça-feira (26), Cláudio Pessoa desconversou sobre a falta de ações com efeito imediato na Strans e disse que, por parte dele, também acabou a tolerância.

“O prefeito é quem manda. Se ele não tem tolerância, imagine eu. O que o prefeito disse foi que a pasta da Strans está com toda a responsabilidade pelo resultado daquilo que foi proposto na campanha dele, que é de regularizar o transporte público e é isso que nós estamos fazendo diuturnamente”, disse.

Em meio ao impasse, o povo que precisa de ônibus segue sofrendo. Dr. Pessoa e Cláudio Pessoa afirmam que a tolerância já acabou, mas, certeza mesmo, é que a tolerância do cidadão que depende do transporte público acabou muito antes.


Mais conteúdo sobre:
Dr PessoaStrans

Dê sua opinião: