Eleições 2022

Wellington Dias quer adiar pré-candidatura de Rafael Fonteles

Wellington Dias é contrário a posição do Partido dos Trabalhadores (PT), que marcou a pré-candidatura de Rafael Fontele para o dia 15 de janeiro.

O governador Wellington Dias assegurou nesta terça-feira (21) que quer Rafael Fonteles na Secretária da Fazenda (Sefaz) até o mês de abril. Wellington Dias é contrário a posição do Partido dos Trabalhadores (PT), que marcou o lançamento oficial da pré-candidatura de Rafael Fonteles para o dia 15 de janeiro. 

  

Wellington Dias e Rafael Fonteles Thiago Rodrigues/Lupa1

Wellington Dias diz que vai ser difícil Fonteles conciliar o trabalho à frente Sefaz com os compromissos de um pré-candidato a Governo do Estado. O governador disse que Rafael, coordena o Pro Piauí, e que é necessário que ele prossiga na liderança do projeto, e só no futuro buscar uma equipe de transição para que o programa continue, mesmo no período eleitoral. 

Wellington Dias diz que já conversou com o presidente do PT, o deputado Francisco Limma, e afirma que gostaria de contar com o Rafael Fonteles na Sefaz até o limite das regras eleitorais, que é até o mês de abril. 

“O fato é que quando você tem o anúncio para a pré-candidatura, normalmente você tem uma dificuldade maior de atuar como pré-candidato com a missão própria do trabalho. Vejo isso como um desafio, mas temos outras pessoas que são da equipe, são parlamentares e é natural que sejam candidatos, porém queremos focar nas ações, no Pró-Piauí por exemplo. Sobre a chapa e organização só em 2022”, complementa Wellington Dias.

Mais conteúdo sobre:
PTRafael FontelesSefazWellington Dias

Dê sua opinião: