Eleições 2022

PL decide por unanimidade filiação de Jair Bolsonaro ao partido

O deputado Fábio Abreu, aliado do Wellington Dias (PT), e presidente do partido no Piauí votou a favor da filiação de Jair Bolsonaro.

Em reunião que aconteceu na tarde dessa quarta-feira (17) o Partido Liberal (PL) decidiu por unanimidade ser favorável a filiação do presidente da República, Jair Bolsonaro no partido. O deputado Fábio Abreu, aliado do Wellington Dias (PT) e presidente do partido no Piauí, votou a favor da filiação de Jair Bolsonaro.

Reunião do Partido Liberal (PL). Reprodução/Partido Liberal

A “carta branca” permite que o presidente do PL, Valdemar Costa Neto, possa negociar a filiação de Jair Bolsonaro ao partido. Os termos da filiação ainda não foram acordados, porém, Bolsonaro pretende comandar o partido em São Paulo e Pernambuco e enfrenta forte resistência desses estados.  

Em comunicado oficial do PL, a sigla confirma a estratégia de apoio a reeleição de Bolsonaro. Um dos principais líderes do partido, o senador Jorginho Mello (PL-SC), relatou que nenhum político do partido estará desalinhado com Bolsonaro, diferente do cenário que vemos no Piauí. 

“O Partido está dando ao presidente Valdemar carta branca para certar com o presidente Bolsonaro todas as arestas e possibilidades que tenham em qualquer canto do Brasil. E não terá nenhum governador, senador, que não esteja alinhado com o presidente Bolsonaro. Todo mundo vai receber o presidente do país de braços abertos”, ressalta o senador Jorginho Mello (PL-SC).

Além da pauta voltada à filiação de Jair Bolsonaro ao Partido Liberal, a reunião conduzida por Valdemar também tratou das estratégias eleitorais, que serão traçadas em cada estado do Brasil.

Mais conteúdo sobre:
Fábio AbreuJair BolsonaroPL

Dê sua opinião: