Greve

Motoristas e cobradores decidem manter greve por tempo indeterminado

De acordo com os trabalhadores rodoviários, os valores prometidos em tickets ainda não foram repassados.

Nesta terça-feira (26), os trabalhadores Rodoviários decidiram manter a paralisação do transporte público por tempo indeterminado.

  

Motoristas e cobradores em greve

Em reunião na segunda-feira (25) entre a Prefeitura, empresários e trabalhadores, foi  prometido pelo município liberar R$ 600 mil referente ao pagamento de uma parte do ticket alimentação que ainda não foi repassado pelos empresários.

"Nossa situação é dramática queremos trabalhar, mas sem receber o salário integral não tem condições, nós estamos recebendo metade de um salário mínimo. Como se vive assim? O depósito do ticket não resolve o problema, pois será menos de R$ 200 por trabalhador. A paralisação continua, o empresário precisa pagar o que nos deve.", disse afirma o Cobrador da EMTRACOL Carvalho.

Dê sua opinião: