Lupa 1

Maranhão

Criminoso foragido do Piauí é morto em tentativa de assalto a banco no MA

Câmeras de segurança registraram o momento em que o vigilante do local reage e dispara um tiro contra o pescoço do individuo.

Na manhã desta segunda-feira (20) o criminoso Nilton César Silva Aguiar, de 43 anos, foi morto durante uma tentativa de assalto a um banco da cidade de São Matheus, no Maranhão.

De acordo com o 23° BPM de São Matheus, o indivíduo entrou na agência Sicoob com uma placa de metal na perna para o sistema de segurança não conseguir bloquear a entrada da arma no local.

  

Nilton César Silva Aguiar Reprodução / 23° BPM de São Matheus - MA
   

Nas imagens das câmeras de segurança do banco, podemos ver o momento em que o vigilante do local, identificado como Jefferson Fernandes, reagiu e disparou um tiro contra o pescoço de Nilton, que não resistiu e morreu ao tentar atravessar a porta giratória. 

O segurança também foi atingido com um tiro, mas não sofreu ferimentos graves.


O 23° Batalhão foi acionado para isolar o local, o vigilante foi socorrido e encaminhado até o hospital. O acusado tinha mais dois comparsas no assalto, que conseguiram empreender fuga antes da chegada da polícia.

No local foram apreendidos dois revólveres Taurus, um pertencia ao vigilante e o outro ao assaltante, e 12 munições.

Nilton havia fugido da Penitenciaria Professor José Ribamar Leite, antiga casa de custódia de Teresina, em 5 de abril de 2022. É acusado de envolvimento no sequestro do comerciante em Castelo do Piauí em 16 de abril, e responsável pelo assassinato do policial Militar do Piauí Erisvan Mesquita Silva, em novembro de 2015.

  

Nilton César Silva Aguiar Reprodução


Veja mais sobre o assunto

Dez presos fogem da antiga Casa de Custódia durante madrugada em Teresina

VÍDEO: Dupla realiza arrastão e sequestra comerciante em Castelo do Piauí

Criminoso envolvido no sequestro de comerciante em Castelo do Piauí é preso

Polícia prende segundo suspeito de sequestrar comerciante em Castelo do Piauí

Mais conteúdo sobre:
Maranhão

Dê sua opinião: