Tony Trindade

Não haverá lockdown no Piauí

Serão impostas medidas restritivas para muitos setores, mas sem que sejam obrigados a fechar suas portas.

Depois de uma manhã inteira de reunião está pacificado que o governo não instituirá lockdown. Serão impostas medidas restritivas para muitos setores, mas sem que sejam obrigados a fechar suas portas. 

Bares, restaurantes e casas de eventos, por exemplo, seguirão cumprindo regras rigorosas de distanciamento, higiene e horário de funcionamento.

A fiscalização será rigorosa e as punições, mais ainda, para os que descumprirem o decreto que deverá ser publicado nas próximas horas. 

O governador Wellington Dias afirmou que será realizada uma reunião com o Comitê de Operações Emergenciais Ampliado, para a definição de quais medidas restritivas serão implementadas no Piauí. 

Confira a nota:

O Governo do Estado informa que vai se reunir, nesta terça-feira (23), a partir das 18h, com os membros do Comitê de Operações Especiais (COE) ampliado para avaliar as medidas de restrições necessárias para a contenção da transmissibilidade do coronavírus no Piauí.

Membros do governo estão, ao longo de todo o dia, dialogando com vários setores, considerando os riscos e as diversas situações de cada ambiente.

Novas medidas somente serão anunciadas oficialmente após esta reunião do COE ampliado. É importante ressaltar que novas ações mais rígidas que podem ser tomadas, tem como objetivo evitar o colapso na saúde e interromper o ciclo de transmissão do vírus no estado. A prioridade será sempre salvar vidas.

Mais conteúdo sobre:
Wellington Dias

Dê sua opinião:

Veja Também