Coronavírus

Governadores afirmam estar "no limite" no enfrentamento da Covid-19

Em um documento enviado ao presidente Jair Bolsonaro, os governadores solicitam a imediata adoção de providências necessárias para compra de vacinas.

Um grupo de 14 governadores, incluindo o Governador do Piauí Wellington Dias, encaminhou uma carta ao presidente da República, Jair Bolsonaro, solicitando a "imediata adoção de providências necessárias" para viabilizar a compra de vacinas contra a Covid-19. Na carta, os governadores relatam que estão “no limite de suas forças e possibilidades” no enfrentamento do aumento de casos e mortes pela doença.

  
Governador Wellington Dias Governo do Piauí
 
 
 

 "Se não tivermos pressa, o futuro não nos julgará com benevolência. Por isso, pedimos ao governo federal, especialmente por meio dos Ministérios da Saúde e das Relações Exteriores, esforço ainda maior para obter, em curto prazo, número consideravelmente superior de doses. Caso seja possível, sugerimos também o requerimento de apoio e intermediação da Organização Mundial da Saúde (OMS)", ressalta a carta.

Além disso, o documento destaca que os “imunizantes são hoje para o Brasil e para os brasileiros muito mais do que uma alternativa ou medicamento: representam a própria esperança da população e, nesse sentido, nenhum governante pode correr o risco de não esgotar todas as possibilidades ou de procrastinar ações e procedimentos. Cada minuto, cada hora e cada dia são preciosos e decisivos, e constituem a triste diferença entre viver ou morrer". 

Distribuição de vacinas

Ao todo foram disponibilizadas aos Estados 6,07 milhões de vacinas, das quais resultaram aplicadas apenas 3,8 milhões, segundo a plataforma vacinabrasil.org, do Laboratório de Estudos Espaciais do Centro de Pesquisas Computacionais da Rice University, de Houston (EUA), que monitora a vacinação no mundo.

No Piauí, foram recebidas 206,680 doses da vacina, mas apenas 140.663 doses foram distribuídas para a população.

Confira a carta na íntegra:

2021.03.04.-Carta-ao-Presidente-da-República-Federativa-do-Brasil.vf_.docx.pdf

Mais conteúdo sobre:
Governo do PiauíWellington Dias

Dê sua opinião: