Renato Montanha

Ministério Público

MPPI doa equipamentos à polícia para realização de procedimento eletrônico

Os novos equipamentos serão utilizados na implantação do Procedimento Policial Eletrônico (PPE) nas unidades da Polícia Civil do Piauí.

A Procuradoria-Geral de Justiça efetivou nessa quarta-feira  (25) a doação de quinze aparelhos digitalizadores (scanners) à Polícia Civil. Os promotores de Justiça Fabrícia Barbosa de Oliveira e Marcelo de Jesus Monteiro Araújo, coordenadora e integrante do Grupo de Atuação Especial de Controle Externo da Atividade Policial (GACEP), estiveram na sede da Delegacia-Geral de Polícia Civil e conduziram a entrega.

A delegada Adriana Maria Xavier Fontes Máximo, diretora da Unidade de Polícia Judiciária, recebeu os equipamentos. Os scanners serão utilizados na implantação do Procedimento Policial Eletrônico (PPE) nas unidades da Polícia Civil do Piauí.

O sistema PPE é uma solução informatizada que permite o registro e a tramitação de procedimentos próprios à polícia judiciária, como os termos circunstanciados de ocorrência, boletins, inquéritos, autos de prisão em flagrante e autos de investigação de ato infracional, entre outros.

A ferramenta ainda oferece recursos para gestão cartorária, compartilhamento e uso de dados, gerenciamento de recursos humanos e de materiais, identificação de fenômenos criminais e elaboração de indicadores.

A cessão dos bens decorre de parceria firmada entre o Ministério Público e a Polícia Civil, em prol do interesse público. 

“A implantação do PPE viabilizará uma maior integração interinstitucional, além da otimização de todos os procedimentos e da interoperabilidade com o Processo Judicial Eletrônico (PJe) Criminal. O resultado será a maior agilidade na apuração das infrações penais e o consequente fortalecimento da segurança pública, com maior controle da criminalidade e uma prevenção mais efetiva”, ressalta a procuradora-geral de Justiça, Carmelina Moura.

Mais conteúdo sobre:
Carmelina MouraMPPIPolícia Civil

Dê sua opinião: