Vereador diz que CPI do transporte público não terminará em pizza

Bruno Vilarinho afirmou que o intuito é chegar a uma conclusão e apontar os culpados.

O vereador Bruno Vilarinho (PTB) comentou nesta segunda-feira (10) sobre a CPI do transporte público de Teresina, instalada pela Câmara Municipal. Ele garantiu que as investigações não terminarão em pizza.

“Nosso intuito é procurar uma solução para o transporte. Que a gente possa estar fazendo um levantamento, para que possamos chegar a uma conclusão de saber realmente como está o sistema de transporte e colocar isso às claras para a população de Teresina, que precisa tanto desse serviço”, relatou Bruno Vilarinho.

O cronograma de reuniões da CPI foi definido nesta segunda-feira (10). O objetivo da comissão é investigar possíveis irregularidades na licitação do transporte público da capital e no contrato resultante dela, firmado entre a prefeitura e as empresas de transporte.

Os trabalhos serão realizados nas terças e quintas-feiras, transmitidos através do canal do Youtube da CMT, com início previsto às 9h. Ainda conforme o vereador Bruno Vilarinho, todas as medidas necessárias vão ser adotadas para garantir o êxito da CPI.

“Vamos chamar todos os representantes dos consórcios do transporte público de Teresina, o Setut, o Tribunal de Contas irá participar, e o Ministério Público também. Depois disso iremos ter uma conclusão para mostrar quem realmente está errado nesta discussão”, concluiu.

Mais conteúdo sobre:
Câmara Municipal de TeresinaMPPISETUTTCE-PI

Dê sua opinião: