Lupa 1

Vamos Juntos Pelo Piauí, Vamos Juntos Pelo Brasil

Ato de Lula em Teresina é considerado o maior do Brasil

De acordo com a Polícia Federal o evento reuniu cerca de 50 mil pessoas, superando as 35 mil que se reuniram no Rio de Janeiro.

O ato da pré-campanha do presidenciável Luiz Inácio Lula da Silva (PT), que aconteceu nessa quarta-feira (03), na Avenida Presidente Kennedy, na zona Leste de Teresina, reuniu cerca de 50 mil pessoas sendo considerado o maior evento de Lula realizado no Brasil. O evento juntou apoiadores de diversos municípios do estado. 

 

Ato de Lula em Teresina.
Foto: Divulgação/Ascom

O ato intitulado "Vamos Juntos Pelo Piauí, Vamos Juntos Pelo Brasil" contou com a presença de diversas lideranças políticas do estado do Piauí, incluindo os candidatos Rafael Fonteles, candidato a governo do Estado e Wellington Dias, candidato a senador. De acordo com a Polícia Federal o evento contou com mais de 50 mil pessoas superando as 35 mil que se reuniram no Rio de Janeiro. 

Discurso

O candidato a presidência da República, Lula, declarou durante o evento que o atual presidente, Jair Bolsonaro (PL), é um genocida e que o político não dialoga com minorias como indígenas ou quilombolas. "Um genocida que não se preocupa em conversar com o sindicato, que que não se preocupa em conversar com o quilombola ou indígena, um genocida que quer desmatar a Amazônia, o cerrado e a caatinga. Esse genocida não pode se apoderar da bandeira brasileira", criticou o ex-presidente. 

 

Ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.
Foto: Eduardo Amorim/Lupa1

Já o candidato a senado e ex-governador, Wellington Dias (PT), em seu discurso no evento, disse que o atual presidente está com medo de perder as eleições. "Bolsonaro está é com medo da porca. No Piauí tem uma tradição de quando um candidato perde uma eleição, aí pergunta: 'Fulano de tal foi eleito? Não, perdeu'. Ele vai ser engolido pela porca com apoio do povo do Piauí e do Brasil", afirmou Wellington Dias.

Confira registros do evento:

Leia também

Lula chama Bolsonaro de genocida: "Não derramou uma lágrima pelos 700 mil mortos" 
Lula lamenta que está perdendo Pantanal por causa de evento no Piauí
"Bolsonaro está com medo da porca", diz Wellington em evento com Lula
Evento "Vamos Juntos pelo Brasil" é marcado por depoimentos de piauienses
Marcelo Castro: "Piauí é o estado mais Lulista do Brasil"

Mais conteúdo sobre:
EleiçõesLulaRafael FontelesTeresinaWellington Dias

DÊ SUA OPINIÃO